Curso a distância sobre Patrimônio Imaterial divulga turmas de selecionados

Já está disponível no site do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) a lista com os nomes dos selecionados para duas turmas do curso a distância Patrimônio Imaterial: fortalecendo o Sistema Nacional, que tem como objetivo ampliar a discussão e mobilizar a sociedade em torno da salvaguarda do Patrimônio Imaterial – considerando a gestão compartilha pela União. Os selecionados estão entre os 3,2 mil inscritos em todo o país. A proposta inicial era abri apenas uma turma com 200 alunos, mas em função da dimensão e importância que a temática do patrimônio imaterial tem ganhado em todo o Brasil, os organizadores abriram mais uma turma que oferecerá outras 200 vagas aos alunos selecionados a partir das inscrições já recebidas.

Veja a lista de aprovados: Turma 1 [aqui] e  Turma 2 [aqui]

A seleção dos candidatos foi pautada por percentuais de proporcionalidade por estados que compõem as regiões do país (sendo Norte – 25%, Nordeste – 25%, Centro-oeste – 20%, Sudeste – 15% e Sul – 15%) e por segmento profissional (Gestores Públicos – 35%, Gestores Detentores – 30%, Professores e Pesquisadores – 15%, Gestores Privados – 20%), em atendimento as diretrizes da Política Nacional de Patrimônio Imaterial e os objetivos do curso.

Os critérios de proporcionalidade se basearam na oferta de cursos de formação na área de gestão cultural por região, que apontou para maior carência nas regiões norte e nordeste. Além disso, tendo em vista o foco principal do curso – fortalecimento do Sistema Nacional de Patrimônio –, foi dada maior ênfase aos gestores públicos e aos gestores detentores.

O que você pensa sobre isto ?